About

megafone porque a experiência de estar vivo, ou a sensação de fazer parte de algo maior e organizado, é demasiado rica para não ser referenciada múltiplas vezes. estragado porque os ouvintes estão surdos e porque há certas ideias que se querem recatadas para que não se tornem pútridas na sua difusão. este é o reflexo de inquietações, frustrações e reflexões provenientes de um espírito demasiado agitado, demasiado sensível que recusa a resignação. este sou eu, nu.

megafone estragado (literally broken megaphone). megaphone because feeling alive, or at least belonging to something bigger and organised, is such an incredible feeling that it deserves to be addressed many times. broken because the listeners are deaf and because some ideas should remain demure so that they don’t become filthy. this is the reflection of concerns, frustrations and reflections from an agitated and sensible spirit that refuses resignation. this is me, naked.

  a

Bio

André Alexandre Gomes nasce em Oliveira de Azeméis a 30 de Março de 1993. Aos 16 anos impõe um duro compromisso a si próprio: não se limitar a ser mais um entre muitos e, por isso, converter tudo o que lhe passa na cabeça em obra. Não diria que ele acordou do seu sono dogmático. Diria, na gíria científica, que até aí acumulou energia potencial e que foi tempo de a converter em energia cinética. Já se está mesmo a ver que decide ir estudar Física na Universidade de Ciências do Porto. Procura desdobrar-se no máximo de projectos e áreas possíveis. Gosta muito de música e toca baixo eléctrico da forma mais insana que possam imaginar. Tem um amor especial pela Filosofia e ainda hoje se debate a que domínio do Conhecimento deve pertencer. 

André Alexandre Gomes was born in Oliveira de Azeméis (north of Portugal) on 30 March 1993. By the age of 16 he imposes himself a demanding task: he does not want to be another John Doe among the others so he wants to put his deep thoughts in practice. I would not state that he has awaken from his dogmatic dream. I would say, in a scientific terminology, that has been accumulating potential energy and from that moment on it was time to convert it in kinetic energy. So, obviously  he decides to study Physics at the University of Porto. He tries to be part of as many projects as he can. His devotion to music is undeniable and he plays bass guitar in a strange manner. He also has a crush on Philosophy and he still questions himself to which domain of Knowledge he should belong.

a